05/05/2011 22:13

Relações homoafetivas e heranças

Até que enfim, o dia de hoje chegou!!!

Um país civilizado, moderno e desenvolvido só pode esperar de sua Corte Maior, a decisão tomada hoje pelo Supremo Tribunal Federal. Pessoas tem o direito de escolher e fazer sua opção sexual, seja ela qual for. Assim portanto, cabe ao Estado garantir o exercício pleno da cidadania de seus filhos. 

Isto sem dúvida alguma é uma importante conquista de toda sociedade. Civilidade e desenvolvimento é isto. Respeito à individualidade. Respeito às escolhas afetivas...

Será um grande avanço para acabar com a hipocrisia de toda sociedade e de inúmeras famílias que rejeitam alguns de seus membros em virtude da opção sexual dos mesmos e, quando trata-se de "heranças" correm desesperadas para exigir cada centavo, cada tijolo ou cada objeto deixado pelo "rejeitado"...

Neste momento, ninguém tem escrúspulos ou melhor caráter para reconhecer que se o "rejeitado" não desfrutava do respeito de seus familiares, agora mais do que nunca era para se deixar de lado também as coisas materiais que ele conquistou com certeza, ao lado de outra pessoa para quem a família sempre olhou com desprezo, arrogância e intolerância.

Quantas pessoas mantém por longos anos relacionamentos homoafetivos, constroem toda uma vida material juntas e árduamente e,  de um dia para o outro são "roubadas" por aqueles que sempre as desprezou. Nesta hora, todo mundo esquece e nem tem importância a opção sexual da pessoa; importa apenas o "quanto" ficou em dinheiro, em imóveis, em carros, em jóias, etc... etc...

Pessoas que constroem suas vidas juntas de outras, não interessa se do mesmo sexo ou do sexo oposto tem direitos e deveres umas para com as outras. Pessoas constroem suas vidas nos seus relacionamentos afetivos para serem felizes enquanto estão juntas e, garantir que o outro possa estar seguro quando a morte os separar ou quando, decidirem que o relacionamento precisa terminar.

Por heranças, inúmeras pessoas que mantém relacionamentos homoafetivos já foram extremamente prejudicadas. Já havia passado da hora de se corrigir que pessoas nesta condição continuassem serem lesadas como foram até aqui...

Nossos cumprimentos à todos os segmentos de defesa dos direitos dos relacionamentos homoafetivos. Importantíssima a conquista do dia de hoje.

Inicia-se uma nova fase de aprendizado de toda sociedade para que se saiba efetivamente conviver com a diversidade. Mais do que isto, que tenhamos a dimensão do tamanho da hipocrisia existente ainda hoje na nossa sociedade.

Que o direito de herança seja respeito e garantido à todas as pessoas envolvidas nos relacionamentos estáveis: não interessa se hetero ou homo. Interessando apenas que são pessoas e, que portanto, o direito das pessoas precisa ser garantido e respeitado...

Acho maravilhoso e fantástico saber que a "farra da hipocrisia" com relação à heranças e tijolos finalmente terá um ponto final nos relacionamento homoafetivos!

É fantástico ver a Constituição Federal sendo cumprida...

 

—————

Voltar


Contato

Herancatijolos

São Paulo SP Brasil
Rua Frei Gaspar, 474/476 Moóca


(11) 28347330